O nome do blog "Vidasemvoltas" mudou para Japão Cultura e Turismo

Morizu no Fuji Koen, Parque das Glicínias Morizuno, em Yatomi, Aichi

Quando as cerejeiras se vão, é a vez das tão ou mais belas flores da primavera: glicínias.
Suas flores lembram orquídeas, pendentes formam belas cortinas coloridas e o perfume exala pelo ar.
Elas estão por todo o canto, existem grandes  e famosos parques japoneses com grande extensão delas plantadas. 
Para quem mora em Aichi e prefere um espaço menor e mais perto, embora não menos disputado, em Yatomi, um antigo parque exibe as glicínias, plantadas há mais de 360 anos: Morizunofuji Koen 
Dizem que as glicínias foram plantadas em 1647, em meio a um jardim japonês, por Morizu (pronúncia Moridzu) Nitta, quando estava no auge.
O local é designado Propriedade Cultural "Monumento Natural Morizu Fuji".
No Tufão Isewan, que ocorreu em 1959, o local ficou alagado durante 3 meses, deteriorando o jardim.
Em 1994, a composição e o jardim foram restaurados.
Este é um curto passeio, apesar de ter um amplo estacionamento do outro lado da rodovia, o espaço é pequeno e o passeio não chega a durar 30 minutos, mas é um local sossegado e bom pra quem deseja tirar fotos das glicínias com tranquilidade.


Endereço: 〒498-0036 愛知県弥富市森津14丁目
Aichi-ken Yatomi-shi Morizu 14 chōme



Mais dicas sobre o Japão: 
Curta a >>> fanpage
Inscreva-se também no Canal do >>> YouTube.
Estamos também no >>> Twitter e no >>> Instagram.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ameixeira, cerejeira, pessegueiro, quais são as diferenças entre essas flores?

Lenda japonesa: A Tecelã de Nuvens

Onde doar roupas usadas no Japão

Lenda urbana do Japão: garrafas pet com água repelem gatos

Diferenças entre nenúfar (suiren) e flor de lotus (hasu)

Yakudoshi, as idades consideradas perigosas no Japão

Dino Adventure, o Parque de Dinossauros de Nagoya

A arte contada em arte, por Lucille Kanzawa

Shichifukujin, os 7 deuses da sorte do Japão

Guarda-chuvas da amizade, o empréstimo gratuito de guarda-chuvas no Japão