O nome do blog "Vidasemvoltas" mudou para Japão Cultura e Turismo

Sumiyoshi Taisha, Grande Santuário Sumiyoshi, Osaka

Um dos santuários mais antigos e mais visitados do Japão, famoso pelas belezas naturais e, em especial, pela ponte em arco: Sumiyoshi Taisha de Osaka.
Com árvores sagradas de mais de 1.000 anos, inúmeras propriedades culturais e Tesouros Nacionais, Sumiyoshi Taisha de Osaka é o principal de todos os demais santuários Sumiyoshi de todo o Japão.

Com uma longa e respeitada história, foi fundado no século 3, antes mesmo da introdução do budismo no Japão. Suas origens estão retratadas em antigos livros como Kojiki e Nihon Shiki.
Sumiyoshi Taisha foi reconstruído várias vezes ao longo dos anos, assim como o santuário Ise Jingu que reforma a cada 20 anos, através de um ritual, no entanto, as últimas reformas ou reconstruções datam de 1810.
A arquitetura dos edifícios tem estilos únicos, sem influência de modelos asiáticos: Sumiyoshi zukuri.
Existem muitas estruturas no complexo, quatro Salões Principais são designados Tesouros Nacionais, dos quais 3 são dedicados aos deuses do mar e ao espírito da Imperatriz Jingu.


O santuário consagrava deuses xintoístas que protegem viajantes, pescadores e marinheiros. Por isso, esses santuários são geralmente encontrados próximos aos portos.
Mais tarde, os deuses da guerra e poesia foram consagrados, tornando-se popular também para militares e poetas.
Como todo santuário xintoísta, que perpetua a natureza, se encontra em grandes e agradáveis terrenos e muito verde.
Na entrada do Santuário, área dos jardins, já se avista a bela ponte Sorihashi, também conhecida como Ponte Taiko, um arco sobre o lago.
As mais de 700 lanternas de pedra foram doadas por marinheiros e empresas relacionadas ao transporte marítimo.

Além das celebrações tradicionais, um local popular para cerimônias de casamentos.
O santuário Sumiyoshi fica bem próximo das estações Sumiyoshi Toriimae da Linha Hankai e Nankai Sumiyoshi Taisha.
 Da estação já se avista o movimento em direção ao santuário.
As ruas indicam a presença do santuário, com as inúmeras lanternas.


A partir das estações de trem, de um lado está o santuário, do outro encontra-se o parque mais antigo de Osaka, Sumiyoshi Koen.

Vale a pena uma visita, especialmente na primavera, época das cerejeiras e das folhas de outono. O parque não só tem belas flores, como é uma excelente opção de lazer.


Endereço: 〒558-0045 大阪府大阪市住吉区住吉2丁目9-89
Ōsaka-fu Ōsaka-shi Sumiyoshi-ku Sumiyoshi 2-chōme 9-89
Entradas para o santuário ou parque gratuitas.



Mais novidades sobre o Japão, curta a >>> fanpage.
Nosso Canal >>> YouTube.
Siga-nos também no Instagram e no Twitter

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Onde doar roupas usadas no Japão

Ameixeira, cerejeira, pessegueiro, quais são as diferenças entre essas flores?

Lenda japonesa: A Tecelã de Nuvens

Lenda urbana do Japão: garrafas pet com água repelem gatos

Dino Adventure, o Parque de Dinossauros de Nagoya

Yakudoshi, as idades consideradas perigosas no Japão

A arte contada em arte, por Lucille Kanzawa

Shichifukujin, os 7 deuses da sorte do Japão

Guarda-chuvas da amizade, o empréstimo gratuito de guarda-chuvas no Japão

Ilha de Takeshima, em Gamagori, Aichi