O nome do blog "Vidasemvoltas" mudou para Japão Cultura e Turismo

Tsuyunoten Jinja, o santuário do "Romeu e Julieta" do Japão

Tsuyunoten Jinja, conhecido popularmente como Ohatsu Tenjin, é o santuário onde aconteceu uma história real que se tornou uma das mais célebres peças de bunraku do Japão.
Não se sabe exatamente qual a idade do santuário, mas de acordo com diversos registros (realização de festivais, registros de poemas em livros, citações pelos antigos historiadores e antigos mapas), conta com, pelo menos, 1300 anos. Como a maioria dos locais históricos, turísticos, passou por incêndios e seus edifícios foram reconstruídos.
Localizado perto da estação Higashi Umeda e junto a um famoso shotengai (lojas em galeria coberta), o santuário parece despontar timidamente. 
No entanto, é conhecido também, como protetor de Umeda e Sonezaki, áreas centrais da ex-capital do Japão, Osaka. Os prédios que circundam o santuário demonstram a localização central.
Entradas com portais xintoístas, torii, estão em todos os lados. O acesso ao santuário pode ser feito pela Ohatsu Tenjin-dori, pelo shotengai com o mesmo nome e outras duas entradas.
A área não é como a dos grandes santuários, mas o espaço foi bem aproveitado com várias saídas para movimentados locais da região.


O que mais chama a atenção no santuário é a história que o envolve, pois foi neste lugar, antigamente uma floresta de Tsuyunoten Jinja, onde aconteceu o suicídio da história real de Ohatsu e Tokubei, considerado o casal de "Romeu e Julieta" do Japão, da postagem anterior.
Um grande espaço do santuário é dedicado ao casal Ohatsu e Tokubei. 

A história de Ohatsu e Tokubei pode ser conferida em vários idiomas, no santuário.
O santuário ganhou popularidade entre casais e, em memória da protagonista, é mais conhecido como Ohatsu Tenjin.
Amuletos especiais para casais e casamentos podem ser encontrados à venda no santuário.
Ema, as pequenas tábuas de madeira onde se escrevem pedidos ou agradecimentos, são encontrados em formato de coração e/ou com variadas figuras de Ohatsu e Tokubei, para os que desejam sorte e felicidade no amor.



 As placas com formato de rosto, onde cada um desenha como desejar, contém pedidos de beleza.
No omikuji - conhecidos como papéis da fortuna - tiras de papéis que se adquirem em santuários ou templos, onde estão escritos sobre sorte, saúde, finanças, mudanças, amor, entre outras, novamente a figura do casal Ohatsu e Tokubei.


 A estátua abaixo é da divindade consagrada do santuário. Muitos procuram a imagem para obter saúde.
De acordo com uma antiga crença, deve-se passar as mãos sobre as partes do corpo afetadas e fazer o mesmo na estátua, para que uma doença seja curada.

Para quem vai de metrô, há uma saída próxima ao santuário, da estação Higashi Umeda, da linha Tanimachi. Endereço:
〒530-0057 大阪市北区曽根崎2丁目5番4号
Ōsaka-shi Kita-ku Sonezaki 2 Chōme 5-4



Saiba mais sobre cultura e turismo do Japão curtindo a >>> fanpage e inscrevendo-se no Canal >>> YouTube.
Estamos também no Instagram e no Twitter.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Onde doar roupas usadas no Japão

Ameixeira, cerejeira, pessegueiro, quais são as diferenças entre essas flores?

Lenda japonesa: A Tecelã de Nuvens

Dino Adventure, o Parque de Dinossauros de Nagoya

Lenda urbana do Japão: garrafas pet com água repelem gatos

Yakudoshi, as idades consideradas perigosas no Japão

A arte contada em arte, por Lucille Kanzawa

Shichifukujin, os 7 deuses da sorte do Japão

Guarda-chuvas da amizade, o empréstimo gratuito de guarda-chuvas no Japão

Ilha de Takeshima, em Gamagori, Aichi