O nome do blog "Vidasemvoltas" mudou para Japão Cultura e Turismo

Tottori: Hakuto Jinja, santuário do Coelho Branco e sua lenda

Os japoneses realmente sabem incrementar as áreas de turismo. 
Faz da história, geografía ou lenda um local atrativo movendo a economia e aguçando a curiosidade dos turistas.
A praia de Hakuto, localizada na Costa com o mesmo nome, em Tottori, tem muitas atrações envolvendo a figura de um coelho. 
O local é conhecido pelo mito do Coelho Branco, desde os tempos antigos. 
Com um imenso torii, portal xintoísta,  em destaque, esta é a entrada do Santuário do Coelho Branco, Hakuto Jinja.
Perto do santuário está Okinoshima, imagem abaixo, onde dizem ter acontecido a lenda do coelho. 
Abaixo, um ponto de ônibus da praia de Hakuto.

Associada à lenda do Coelho Branco de Inaba, escrito no Kojiki - o mais antigo livro do Japão que descreve a história do país - a divindade é o coelho. Tottori, ex-Inaba, é o local onde dizem ter ocorrido.
A lenda conta sobre um coelho branco que estava a caminho de Inaba, onde hoje é Tottori, para conhecer a princesa Yagami. O coelho viu-se preso na ilha de Oki e traçou um plano para atravessar, enganando alguns tubarões. Desafiou os tubarões dizendo: "- Vamos ver quem tem mais amigos!" Os tubarões se alinharam e o coelho aproveitou as costas como ponte para chegar ao continente. Sem conter o orgulho e astúcia, quando chegou nas costas do último tubarão, o coelho disse: "- Enganei vocês! Eu só queria voltar ao continente." O tubarão irritado e, com o coelho entre os dentes, arrancou pelos e pele. Mais tarde, doendo muito, o coelho aceitou o conselho de um dos deuses de banhar-se na água do mar e secar nos ventos das montanhas, para aliviar a dor. Porém, a água salgada do mar causou mais dor e sofrimento. Okuninushi aconselhou o coelho a lavar as feridas em água doce e envolver-se em penugens. O coelho assim fez e se recuperou, voltando a ser o que era antes.
A lenda tem por lição: não mentir ou enganar aos outros.

O santuário que era dedicado às queimaduras e doenças da pele, hoje é mais procurado pelo deus do casamento.
Dizem que o coelho branco é o deus do casamento - através da história de amor do coelho com a princesa, por isso, muito procurado pelos casais.
Na entrada, muitas estátuas de coelhos e uma escultura de areia descreve a lenda.
No corredor de entrada do santuário, estátuas de coelhos em diversas posições.
Um outro torii, portal xintoísta, próximo ao Santuário Principal.
Muitas pedras sobre o portal. As pedras "musubi ishi" são vendidas no santuário, em um pacote com 5 unidades. 
Dizem que quem conseguir colocar a pedra sobre o portal terá seu desejo atendido.
Em geral, são casais que tentam atirar as pedras no portal.
As pedras que caírem são colocadas nas estátuas de coelhos do santuário.

A área interna do santuário, que foi fundado em 1896, não tem muitos edifícios.
Abaixo, o Santuário Haiden, Salão de Adoração
Shimenawa, corda sagrada xintoísta
Santuário principal
Salões do santuário ficam à esquerda e á direita, o lago que dizem ser onde o coelho banhou para tirar as dores.

No temizuya, local de purificação, explicação sobre o ritual.
Nestas pequenas tabuletas, chamada pelos japoneses como "ema", escrevem-se pedidos ou agradecimentos.

 O formato de coração significa que muitos procuram o santuário por casamentos felizes.
A área do santuário é grande, com poucas construções, porém é um local bastante tranquilo e só é possível desvendar seus encantos pela lenda que o envolve.

Além da praia, uma estação de trem com um shopping movimentam o local. Nas lojas, não se surpreenda se vir coelhos ou figuras deles sendo vendidos. Trata-se da atração local de uma antiga lenda.

Não é difícil localizar o santuário, devido à estação, praia, o enorme portal que chama a atenção e a estátua do coelho.

Endereço: Tottori-ken Tottori-shi Hakuto 603
〒689-0206 鳥取県鳥取市白兎603



Outras sugestões em Tottori

Conforme prometido nas postagens anteriores, vai aqui uma lista de alguns locais turísticos interessantes em Tottori:

Museu de Areia
Endereço: 〒 689 - 0105 Tottori ken Tottori-shi Fukube-chō Yuyama 2083-17 
鳥取県鳥取市福部町湯山2083-17
Fone: 0857-20-2231

Ruínas do Castelo de Tottori
Endereço: Tottori-ken Tottori-shi Higashimachi 2-chōme
鳥取県鳥取市東町2丁目 

Lago Koyama
Endereço: Tottori-ken Tottori-shi Koyama-chō Minami 3-chōme
鳥取県鳥取市湖山町南3丁目

Cachoeira Amedaki
Endereço: Tottori-ken Tottori-shi Kokufu-chō
鳥取県鳥取市国府町

Tottori Hanakairo - Flower Park
Endereço: 〒 683 - 0217 Tottori-ken Saihaku-gun Nanbu-chō Tsuruta 110
鳥取県西伯郡南部町鶴田110
Fone: 0859-48-3030

Mais novidades sobre o Japão, curta a >>> fanpage.
Alguns eventos no Canal >>> YouTube.
Siga-nos também no Instagram e no Twitter.

Comentários


Leh, este teu país é o seguinte! Fantastico!

Viu a lição de civilidade que os japoneses deram nos estadios brasileiros?! Uma pena que os brasileiros não aprendem nada!

Bjs
Leila Franca disse…
Oi Leh, muito interessante essa lenda e esse lugar. A palavra Tottori também é tão bonitinha!Eu tenho uma coelha que já tem 6 anos. Acho que ela já é uma velhinha porque a maioria dos coelhos vive só 1 ano e ela já tem 6. Ela é cinza e anã (não cresce). bjs

Postagens mais visitadas deste blog

Onde doar roupas usadas no Japão

Ameixeira, cerejeira, pessegueiro, quais são as diferenças entre essas flores?

Dino Adventure, o Parque de Dinossauros de Nagoya

Lenda japonesa: A Tecelã de Nuvens

Yakudoshi, as idades consideradas perigosas no Japão

Lenda urbana do Japão: garrafas pet com água repelem gatos

A arte contada em arte, por Lucille Kanzawa

Shichifukujin, os 7 deuses da sorte do Japão

Guarda-chuvas da amizade, o empréstimo gratuito de guarda-chuvas no Japão

Ilha de Takeshima, em Gamagori, Aichi