O nome do blog "Vidasemvoltas" mudou para Japão Cultura e Turismo

O Japão do meu dia a dia: Shoganai

Tentando entender ideogramas e palavras japonesas, é perceptível que muitas delas tem vários significados.
Cheguei em uma dessas palavras, aprofundei e fiquei curiosa para entender o que significava exatamente uma palavra tão comumente usada: Shoganai.

Shoganai - e também shikataganai, forma polida - são palavras japonesas muito utilizadas e não há estrangeiro que não conheça no Japão.

Nunca havia me perguntado o exato significado, mas - sempre que ouvia - entendia como "Fazer o quê?"

Shoganai é composta pelas palavras shyou (caminho, meio) + nai (não) e significa "Não há o que fazer".

O significado, a princípio, soa como comodismo, resignação.

"Não adianta", "Não tem jeito", "Não há o que fazer" realmente dá a impressão de incapacidade para mudar as circunstâncias externas.

No entanto, vivendo no Japão - convivendo e entendendo melhor os japoneses, e também pelos mais recentes acontecimentos - seu significado é praticamente uma filosofia.

Shoganai explica porque os japoneses souberam lidar com diversas situações catastróficas, sem reclamar. É a explicação de como o Japão se recuperou rapidamente, quando muitas cidades foram completamente destruídas, depois da II Guerra e também da superação após o desastre de março de 2011.
Pode até dar uma conotação negativa, por ocasião dessa mesma Guerra, quando muitos discordaram das ações, mas não falaram. Não poder expor idéias, reclamações, enfim, acumular introvertidamente não é nada recomendável.

Na sua amplidão shoganai quer dizer que, se algo está fora do seu controle, melhor aceitar e seguir em frente.

O que seria ideal? Acredito que as duas culturas. a nossa ocidental que fala, grita, manifesta para obter soluções e assim, como a oriental, seguir em frente.

Mas não é assim... shoganai?

Gostou?
Clique e curta a nossa >>> fanpage.
Inscreva-se também no Canal >>>; YouTube.

Comentários

Ricardo disse…
Meu avô sempre dizia: "O quê não tem remédio, remediado está".
Stefani Vaz disse…
Adorei este post. Gosto dos seus posts porque sempre acabo aprendendo algo novo, e neste caso, algo que se leva para toda vida. "Seguir em frente".

Nunca tinha ouvido esta palavra, mas também o único lugar que ouço japonês é quando assisto filmes, animes e escuto música.
Diana disse…
Foi uma das primeiras palavras que aprendi mas pq eu ouvia mais os brasileiros falando do que os japoneses!
Sissym disse…
Leh,

Sabe o que me encanta em tudo que leio sobre o Japão? que eles dão significados até mesmo para uma expressão. E sobretudo, um otimo exemplo, quanto a resignação perante fatos que não adianta arrancar os cabelos, mas arregaçar as mangas, lutar e ir para frente.

Querida amiga: BEIJINHOS
海子 Okasan disse…
Querida Leh,
uma filosofia interessante á volta da palavra japonesa "Shōganai"!

Ela faz então parte da filosofia e pensamento japonês como você disse, por vezes incompreendido no ocidente.
Uma outra palavra, Ganbaru (頑張る): fazer o melhor possível, ser forte, parece em contradição com Shōganai: não há nada a fazer!
Será mesmo?
Eu penso que essas duas expressões, se completam, segundo a situação.
O que pensa Leh?

Mas uma questão permanece:
quando se tem a impressão que mais nada pode ser feito, será uma razão para não procurar uma solução?
Os japoneses, continuam eles a procurar ou param mesmo de o fazer?
Hum...

Como fala do comportamento que os japoneses tiveram durante a catástrofe do 11 Março 2011, hoje mesmo li um artigo em francês, que data do dia 25 de Março 2011, que pode ser traduzido em português pelo amigo Tradutor de Google :) que fala precisamente do comportamento dos japoneses durante esse triste acontecimento, comparando a cultura deles e a dos franceses, no que diz respeito ao comportamento face á catástrofe. A cultura francesa é ocidental, evidentemente.
O Titulo do artigo é: "Les Japonais ont peur, les Français paniquent" de Benjamin PELLETIER que se traduz em português assim: "Os japoneses têm medo, os franceses entram em pânico". http://gestion-des-risques-interculturels.com/risques/les-japonais-ont-peur-les-francais-paniquent/

Esta sua rubrica do sentido das palavras é muito interessante!
Uma só palavra está associada a uma filosofia, um estado de espírito,uma cultura,um país e tanto mais!

Muito obrigada Leh ♥ Shōganai ♥ ((^_^))

Postagens mais visitadas deste blog

Onde doar roupas usadas no Japão

Ameixeira, cerejeira, pessegueiro, quais são as diferenças entre essas flores?

Lenda japonesa: A Tecelã de Nuvens

Dino Adventure, o Parque de Dinossauros de Nagoya

Yakudoshi, as idades consideradas perigosas no Japão

Lenda urbana do Japão: garrafas pet com água repelem gatos

A arte contada em arte, por Lucille Kanzawa

Shichifukujin, os 7 deuses da sorte do Japão

Guarda-chuvas da amizade, o empréstimo gratuito de guarda-chuvas no Japão

Ilha de Takeshima, em Gamagori, Aichi