O nome do blog "Vidasemvoltas" mudou para Japão Cultura e Turismo

Tsukimi, tradição da apreciação da lua no Japão

Contemplar e ver coelhos na lua, fazer oferendas com bolinhos (Dango), bolinhos de arroz (mochi) e uma espécie de capim (susuki).
Foto Wikipedia

Mais uma tradição japonesa, chamada Tsukimi. Tsuki, significa lua e mi, ver. Portanto, é o dia da visualização da lua.
Data que antecede o Dia do Equinócio do Outono, 22 de setembro, neste ano de 2010.
É uma data móvel, que obedece ao calendário lunar.

O dia do tsukimi antecede, geralmente, a data da lua cheia, eis algumas:
2013 = 19 de setembro. A lua cheia ocorre dia 20.
2014 = 08 de setembro. Lua Cheia = 09 de setembro
2015 = 27 de setembro. Lua Cheia = 28 de setembro
2016 = 15 de setembro. Lua Cheia = 16 de setembro
2017 = 04 de outubro. Lua Cheia = 06 de outubro
2018 = 24 de setembro. Lua Cheia = 25 de setembro
2019 = 13 de setembro. Lua Cheia = 14 de setembro
2020 = 1º de outubro. Lua Cheia = 2 de outubro
2021 = 21 de setembro. Lua Cheia = 21 de setembro
2022 = 10 de setembro. Lua Cheia = 10 de setembro
2023 = 29 de setembro. Lua Cheia =  29 de setembro 
2024 = 17 de setembro. Lua Cheia = 18 de setembro

Este costume veio da China, na era Heian, com as mesmas características.
O objetivo é comparar a lua a uma divindade e agradecer pelas abundantes colheitas.
A lua, neste dia, é a mais bonita do ano.
A tradição vem de uma lenda, em que dizem, vive um coelho na lua.

Conta uma lenda, que um dia, um velho senhor pediu comida a um macaco, uma lontra, um chacal e um coelho.
O macaco ofereceu e trouxe frutas.
A lontra trouxe peixes.
O chacal, um lagarto.
O coelho nada trouxe, porque só tinha ervas para sua alimentação, mas como não eram boas para humanos, ofereceu seu próprio corpo e se jogou no fogo. 

O corpo do coelho não queimou, pois o senhor era uma divindade. 
Em homenagem ao sacrifício do coelho, o senhor desenhou a imagem do coelho na lua.

Existem muitos costumes diferentes em cada área remanescente do Japão, nas grandes cidades estão em vias de desaparecer pouco a pouco.

Comentários

Marjory disse…
Nossa, que interessante.
Vou postar no meu blog.
Parabéns pelo lindo blog.
Mil beijo!!
Marjory disse…
Nossa, que interessante.
Vou postar no meu blog.
Parabéns pelo lindo blog.
Mil beijo!!

Postagens mais visitadas deste blog

Onde doar roupas usadas no Japão

Ameixeira, cerejeira, pessegueiro, quais são as diferenças entre essas flores?

Dino Adventure, o Parque de Dinossauros de Nagoya

Yakudoshi, as idades consideradas perigosas no Japão

Lenda japonesa: A Tecelã de Nuvens

A arte contada em arte, por Lucille Kanzawa

Shichifukujin, os 7 deuses da sorte do Japão

Guarda-chuvas da amizade, o empréstimo gratuito de guarda-chuvas no Japão

Ilha de Takeshima, em Gamagori, Aichi

Lenda urbana do Japão: garrafas pet com água repelem gatos